Almoxarifado: O que é e como a aplicação do controle de estoque pode te ajudar a obter melhores resultados!

 

Você sabia que o estudo do controle de estoque de uma organização é tão antigo quanto o estudo da própria administração? 

Isso mesmo, controlar os materiais sempre foi uma atividade muito importante para as empresas, e não é pra menos, pois uma das maneiras mais eficazes e econômicas de gerar resultados é a correta aplicação do controle de estoque na boa gestão do almoxarifado.

O controle de estoque é indispensável quando levamos em consideração ações estratégicas, no que influencia diretamente a competitividade da empresa.

Podemos ver com clareza a flexibilidade do mercado, principalmente no cenário atual no qual acontecem alterações na programação de produção e vendas, que exigem tomadas de decisões rápidas.
Para que você não seja surpreendido é necessário realizar uma gestão do estoque, o que será um diferencial de sua empresa perante a concorrência.

 

Afinal, qual a diferença entre estoque e almoxarifado?

Precisamos entender o que de fato é um estoque e um almoxarifado em uma organização, visto que ambos os conceitos podem gerar dúvidas até para pessoas que trabalham neste setor.

Os estoques são todos os materiais ou produtos disponíveis para o uso da empresa no processo de fabricação ou comercialização direta ao consumidor final.

O almoxarifado pode ser um armazém, depósito, galpão ou qualquer espaço reservado para armazenamento de materiais.
Segundo Carlos Henrique Klipel em seu artigo publicado em 2014, o almoxarifado trata-se do setor responsável pela gestão física dos estoques e tem a função de guardar, preservar, receber e expedir materiais.

 

O que você precisa saber para alcançar uma boa gestão do almoxarifado!

Bom, para que você consiga gerir com excelência o almoxarifado é essencial implementar um controle de estoque de qualidade e avaliar alguns fatores importantes nos processos de logística da sua empresa, tais como:

• Liste seus fornecedores(Quais os melhores?).
Te ajudará a criar um planejamento e realizar melhores negociações.

• Quais pessoas possuem autorização para solicitar ferramentas ou produtos para utilidade na empresa?
Identificar quem ficou responsável pela ferramenta e quando ela deverá retornar.

• Os principais produtos ou materiais que você armazena.
Matéria Prima? Veja a melhor forma de armazenagem até o seu uso.
Produto final? Escolha um ponto estratégico para a expedição.
Ferramentas? Defina um controle de empréstimos e devoluções.

• Veja sobre o prazo em que eles ficam armazenados.
Saberá o momento certo de efetuar novas compras.

• Quais cuidados eles necessitam.
São perecíveis? Fique atento ao prazo de vencimento.
Requer maior segurança? Guarde em locais protegidos.
São frágeis? Deixe claro para a equipe envolvida.

• Levante os principais clientes que compram seus produtos.
Avalie pontos que garantem à sua satisfação, como a qualidade da entrega.

• Qual é a periodicidade das compras dos seus clientes.
Influenciará no controle de produção.

• Quais produtos não podem faltar no seu almoxarifado.
Para que se evite perdas de vendas e até mesmo credibilidade entre os seus clientes.

 

E agora, o que fazer com todas essas informações levantadas?

Após levantar todas essas informações, você conseguirá entender quais suas principais necessidades e elaborar estratégias para garantir uma melhor organização do almoxarifado de acordo com elas.

É importante que você se organize para levantar e avaliar essas informações periodicamente, assim você as manterá sempre atualizadas.

Dessa forma, será possível a realização de melhores negociações com os fornecedores, identificar as ferramentas que estão saindo do seu almoxarifado e que deveriam voltar, mas por algum motivo não voltam(o que causa prejuízos), os produtos ou materiais que estão em excessos, quais produtos ou materiais você deve comprar, acordos de prazos de entregas com os seus clientes e várias outras informações dependendo do seu segmento.

 

Vou te contar algo muito importante aqui, continue lendo!

Talvez você esteja pensando, “Nossa! Como vou controlar todas essas informações no papel? Vai me dar mais trabalho e posso acabar me perdendo no meio do caminho”.

Em suma, realizar essa gestão em planilhas não é nada fácil, e como somos humanos sempre nos esquecemos de realizar algumas anotações.
Sabemos a dificuldade que as empresas encontram ao tentar realizar um bom controle de estoque.
Em conclusão, temos algo importante para contar que é o caminho tomado pelas principais empresas do mercado que realizam esse controle e sanam este impasse.
Essas empresas, através de um software de controle de almoxarifado, conseguem ter o acompanhamento da gestão do estoque, empréstimos de patrimônios e relatórios gerenciais para compra.

 

Veja mais o que um software de controle de almoxarifado pode fazer:

• Melhor controle de compras com alertas de estoque mínimo e máximo.

• Agilidade com solicitações de produtos e patrimônios pelo próprio usuário.

• Facilidade com consulta rápida de produtos.

• Saída de produtos rápida através dos Kits de Produtos

• Controle de itens consignados.

• Organização através de grupos e subgrupos de produtos.

• Empréstimos e Devoluções de Patrimônios.

• Emissões de etiquetas(Para identificação dos produtos ou patrimônios).

• Controla pedidos e recebimentos de materiais.

• Gerenciamentos de usuários e níveis de acesso.

• Criar eventos e definir produtos e patrimônios que serão utilizados.

• Transferência entre estoques.

• Relatórios de controle detalhados.

Percebeu o poder de controle que você terá ao adotar uma solução como essa em sua empresa?

Assim, caso queira tornar sua empresa mais competitiva no mercado, ganhar mais credibilidade entre os seus clientes e obter melhores resultados, entre em contato agora mesmo com o nosso time de consultores através do WhatsApp (37) 99160-5885 e agende uma apresentação.

Agradeço por acompanhar até aqui. Espero que esse conteúdo tenha ajudado!

Edson Modesto

Nossos Clientes